“Não, não faça isso. Não dê a entender que tudo pode acabar hoje. Não me faça pensar nisso, não hoje, não agora. Fique, por favor. Sou chato, irritante, confuso, muitas vezes incompreensível, e na maioria das vezes pareço não me importar, eu sei. Mas, por favor, fique, me aguente. Esperei tanto por uma pessoa como você, que me ajudasse a reencontrar todos os meus sentimentos perdidos, aqueles que me fazem sentir borboletas no estômago. Não seja só mais uma, fique e faça toda a diferença. Não deixe ir por água abaixo tudo o que sonhei em viver ao seu lado. Não me torne uma pessoa fria, mais até do que os outros já me tornaram. Não me faça perder mais uma vez o sentido de tudo. Não me faça ficar desiludido mais uma vez. Não faça eu me perder no nada novamente. Não quero me sentir um erro. Não quero me sentir um nada. Na verdade, não quero ficar sozinho, não quero ficar sem você. Não nasci para viver só. Não nasci sem sentimentos. E sempre acabo pensando no pior logo de início. Droga! Odeio ser assim. Sou uma pessoa boa demais para o mundo de hoje e as pessoas não sabem lidar com isso. Me sinto estranho, me sinto isolado. É como se eu falasse uma língua desconhecida o tempo todo. Mas você me entende, mesmo não me conhecendo muito bem. Você chegou e mudou tudo. Me fez acreditar em coisas que eu já não acreditava mais. Me fez enxergar novamente as cores, e me fez ver um arco-íris onde não havia nem se quer um mar. Você me fez apaixonar mais uma vez. Não sei o que você tem. Mas tem Deus nessa história toda. E Ele não faz as coisas em vão, e você foi a melhor coisa que me aconteceu depois de muitos tombos e choros na madrugada. Você veio para me ajudar a levantar e para enxugar todas as minhas lágrimas. E, nesse gesto de amor, depositei em você toda a minha esperança de ser feliz mais uma vez.”

Só fico observando até onde vai a falsidade das pessoas.


SE FOR PRA TIRAR ALGUMA COISA DE MIM, TIRE MINHA ROUPA.


“Veja o que você me obriga a fazer, textos clichês, escrever seu nome na carteira da escola, na capa do livro, no vidro embaçado, e diversas vezes no meu braço. Esse sentimento é sufocante, mas não o impeço de continuar aqui, vivendo dentro de mim e me corroendo por inteiro. E eu permito, pois no fundo eu sei que esse sentimento é o mais próximo que posso chegar de você agora, então eu o deixo lá, inquieto, com esperança de que um dia ele possa te trazer de volta pra mim. Porque é de você que eu preciso. Me acostumei com sua presença, seus defeitos e suas manias mais irritantes. E, sinceramente, já não sei se meu coração suporta mais tamanha distância entre nós. Sua falta me consome por inteiro. É por você que meu coração perde o compasso, e chama sem obter respostas. É você que ele deseja todas as noites mas não pode ter. E eu sinceramente gostaria que tudo isso fosse verdade, que o “nós” se tornasse mais real. Às vezes me pego pensando em você, e torno a olhar aquelas cartas que te escrevi um dia, mas nunca tive coragem de mandar. Esse sentimento confuso me corrói e ao mesmo tempo me satisfaz. E fica assim, essa contradição dentro de mim. Eu guardo esse sentimento que me machuca, mas me recuso a deixá-lo partir, porque eu sei que sem ele eu me machucaria mais.”
E quem sabe um dia esse errado vire certo pra nós dois. - Matheus Dapper

“Respire fundo, conte até 3, e finja que não se importa com ele.”
— Ilusões escritas

“Mas esse foi apenas mais um cara. E você sabe disso, sabe que ele é como tantos outros que já passaram. Aquele que te observava enquanto passava na rua - poderia ter sido ele, não? Mas não foi. Não foi porque você não quis, não se importou em retribuir o olhar. O gato da loja, o vizinho, o seu amigo, o amigo do seu amigo. São apenas caras, e esse é apenas mais um como esses. Pois existem vários, eu diria uma legião que poderiam ser diferentes, e não são. E ele é assim também. É só mais um que entrou na sua vida mas não chegou nem perto de ser preciso nela. Só mais um beijo que não combina com o seu. Só mais um que te proporcionou felicidade temporária. Só mais uma página do seu livro. Apenas mais um destino que não cruzou com o seu. Só mais um cara perdido, como tantos outros que você encontrou e deixou perder novamente. Entenda que ele é só um cara. E você já esqueceu outros antes. Mas daqui pra frente, quando alguém vier com aquela velha história de que você precisa da “sua outra metade”, você vai saber o quão idiota isso soa, pois ninguém nasce incompleto, ninguém tem aquele encaixe ou aquele buraco igual as peças de quebra-cabeça. Ninguém precisa carregar a responsabilidade de completar o que nos falta. Nós precisamos nos amar e nos completar sozinhos, para que, no final, quando seu amor próprio falar mais alto, você não se permita sofrer por mais ninguém que não queira permanecer em sua vida.”
Agora vê se aprende de uma vez: ele é só mais um, de tantos outros que ainda passarão pela sua vida. - Matheus Dapper (via falsoromance)

“Ame-se. Não interessa o que pense de si própria, apenas se ame. Ninguém fará isso com tamanha intensidade e carinho como você. Pare de amar os outros e comece a amar a si mesma. Ninguém irá se preocupar com você, somos assim, individualistas. é da natureza humana. Pessoas vão e vem o tempo todo e não é certo criar vínculos com quem pode te deixar a qualquer momento. Nós criamos laços com pessoas, mas nenhum deles é mais forte que o amor próprio. Aprenda a se valorizar. Pense que, mesmo com seus erros e acertos, você vale a pena. Todos nós nascemos sozinhos e assim morreremos. Ame-se. Olhe-se no espelho. É isso que você é. Se ame exatamente da forma como é. Seja você de olhos verdes, castanhos ou azuis. Seja você branco ou negro, alto ou baixo, gordo ou magro. E vê se aprende de uma vez que amor maior que o amor próprio não existe. O mundo lá fora é cruel, mas você nunca irá se machucar se amando, porque não há como mentir para si mesma. Você jamais partirá seu coração. Acima de tudo, ame-se porque faz um bem danado. Aprenda a gostar de tudo aquilo que você tem e coloque em sua cabeça que perfeição não existe, e que aquelas modelos que a mídia ou as revistas apresentam estão longe de serem perfeitas. Maquiagem sai com água. Mas o que somos de verdade, por dentro, ninguém tira. Seja você mesma. Tenha a ousadia de vestir aquilo que lhe cai bem, aquilo que você quer, e não ligue para o que os outros pensam. Coloque-se em primeiro lugar. O mundo precisa de pessoas assim. Precisa de pessoas que amem a si mesmas, e que sigam em frente sempre de cabeça erguida, não importando o tamanho da dificuldade. Porque estar de cabeça erguida é bem diferente de andar com nariz empinado. E assim você vai entender o que é ser feliz, e vai perceber que ninguém pode te amar mais do que você mesma.”

Admita: você já foi em um lugar só porque sabia que aquela pessoa estaria lá.


Já suportei tanta coisa calado, que hoje falo tudo o que penso.


“Sei que se um dia eu te encontrar por acaso, vou perder o fôlego lembrando da falta que você me fez sentir. Que toda vez que eu olhar pro sofá vou me lembrar de você ali sozinha, enquanto eu ia buscar algo pra gente beber. Sei que todas as vezes que meu celular tocar vou desejar que seja você, e que em muitas noites vou desejar que meu sono venha para que eu não lembre que não vou te ver no dia seguinte. Sei que sempre vou me lembrar do seu sorriso doce e da sua forma desleixada de andar. Que muitas vezes vou me pegar lembrando de cenas de quando estávamos juntos e felizes. Sei o quanto vou sentir falta do seu abraço e das suas mãos em torno do meu pescoço. Sei que sempre vou lembrar do nosso primeiro beijo como se fosse o primeiro da minha vida. Aqueles defeitos irritantes que só você tem, aquele jeito teimoso, e aquela mania de sempre querer me tirar do sério, eu sei a falta que vai me fazer. Sei que vou me proibir de ver algumas fotos e ouvir certas músicas. Que ainda vou sentir seu perfume perdido no ar e que vou olhar pro lado na esperança de te ver. Sei que vou sentir falta de confiar tanto em alguém, como confiei em você. Que vou sentir falta das palavras de conforto que você dizia, que nem eram tão extraordinárias assim, mas que para mim soavam como o melhor poema do mundo. Seja pela falta, pela dor, pelas lembranças, pelos sonhos, eu sei muito bem das lágrimas que ainda vou chorar. Sei também que no meio de tantos amigos, risadas, momentos, vou me sentir perdido e vou querer trocar tudo pela sua companhia. Sei o quanto vou sentir falta de deitar ao seu lado e ouvir sua respiração. Eu sei. Eu sempre soube.”